Topo
Blog do Leo Dias

Blog do Leo Dias

Filha gata de Roberto Cabrini estreia como repórter do Fofocalizando

Leo Dias

14/09/2019 09h30

Com a paixão pelo jornalismo no sobrenome, Gaby Cabrini é o novo reforço no time do 'Fofocalizando', do SBT. A bela jovem de 28 anos, filha de Roberto Cabrini, um dos melhores repórteres da TV brasileira, fez sua estreia no programa nesta sexta-feira (13), com uma entrevista especial com o ex-integrante da banda RBD, Christian Chávez, que realiza shows no Brasil neste fim de semana.

Gaby se formou em jornalismo nos Estados Unidos, com total apoio do pai, que, segundo ela, mais que conselhos, sempre deu um bom exemplo como profissional. O fascínio pela profissão de Cabrini surgiu ainda na infância, quando ela o acompanhava em visitas às redações da Globo e do SBT. Em um desses passeios, Gaby teve sua primeira experiência com o que viria a se tornar seu ofício, ainda aos seis anos de idade. "Uma vez, no escritório da Globo, em Nova York, meu pai pediu para o cinegrafista descer comigo e deixar eu gravar, assim como ele fazia. Foi um marco na minha vida. Aquele momento foi mágico, como se eu estivesse fazendo minha primeira matéria", conta.

Outros momentos importantes da carreira de Cabrini marcaram a vida da pequena Gaby, influenciando sua decisão de seguir os passos dele na carreira, como a vez em que ele foi realizar sua primeira cobertura de guerra. "Ele sentou comigo e meu irmão, explicou o que era uma guerra e a importância social do jornalismo nesse cenário, ainda que tivesse a possibilidade de ele não voltar para casa", relembra Gaby, que já teve o ex-jogador Pelé em uma tumultuada visita com direito a fechamento do condomínio, onde ficava sua casa, em Londres, e que, na época em que Cabrini cobria a Fórmula-1, mantinha um mapa na parede marcado com alfinetes para localizar a posição do pai no mundo, já que ele vivia viajando.

Veja também:
Nadja sobre bailarina parceira de D'Black: precisa aprender a respeitar
Beijo gay, cheiro de maconha e Ju Paes: tudo da volta de Xuxa às passarelas
Ludmilla faz flashmob no Rio: "Gente de todas as idades". Veja vídeo

Agora, engana-se quem pensa que Gaby é uma novata na TV. O primeiro emprego da nova repórter foi justamente na televisão, no programa do apresentador Raul Gil, e ela conquistou a vaga com bastante ousadia. "Quando tinha uns 15 anos, meu pai foi participar do quadro 'Para quem você tira o chapéu' e, sem ele saber, preparei um currículo e, durante um intervalo das gravações, o entreguei para o Raulzinho, filho do Raul e diretor do programa. Disse que eu queria muito trabalhar na TV, que poderia ser servindo cafezinho, carregando fita, o que fosse, e acabei sendo contratada", conta.

Linda e com um futuro promissor pela frente, apesar de ter o pai como referência maior, Gaby não quer ficar à sombra de Cabrini. "Tenho uma referência tão forte dentro do jornalismo. Meu pai é um profissional tão ímpar, que eu admiro tanto, que minha maior ambição é trilhar meu próprio caminho, criar uma identidade própria e cada vez mais melhorar, me superar e conquistar um espaço meu", diz ela, que afirma estar radiante com a chance no programa vespertino do SBT. "Estou muito feliz de ter estreado no 'Fofocalizando', um programa que eu assisto desde a estreia, que eu gosto e admiro. Tenho muita gratidão por ter sido me dada essa oportunidade", comemora Gaby.

* Com colaboração de Geizon Paulo

Gaby Cabrini (Foto: Arquivo pessoal)

Gaby Cabrini (Foto: Arquivo pessoal)

Gaby Cabrini com o pai, Roberto Cabrini (Foto: Arquivo pessoal)

Gaby Cabrini e o pai Roberto Cabrini com Pelé (Foto: Arquivo pessoal)

Sobre o autor

Leo Dias é jornalista e apresentador do programa “Fofocalizando”, do SBT. Foi correspondente internacional da rádio portuguesa RDP, passou pelas TVs Bandeirantes e RedeTV! e apresentou um programa na rádio FM O Dia, líder de audiência no Rio de Janeiro, onde entrevistava políticos, jogadores de futebol, dirigentes e muitos artistas. Assinou uma coluna de celebridades no jornal "O Dia" e também esteve nos jornais "Extra" e nas revistas "Contigo", "Chiques e Famosos", "Amiga" e "Manchete". Apesar dessa experiência, sempre se definiu como repórter, tamanha paixão pela apuração da notícia e pela vontade em produzir conteúdos exclusivos.Polêmico, controverso e dono de uma forte personalidade, Leo conquistou um público cativo por dar notas explosivas e audaciosas num mundo artístico mais conservador. Seu lema: “A fama tem um preço estou aqui para cobrar”.

Sobre o blog

Notícias exclusivas sobre o mundo das celebridades e os bastidores do show business no Brasil.